Saiba como deixar mais seguro o uso da internet por crianças

A maioria dos serviços digitais possui ferramentas de restrição de conteúdos

Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

É possível deixar a internet mais segura para as crianças evitando que elas sejam expostas a conteúdos inadequados. Os principais sites, navegadores e sistemas operacionais possuem modos de segurança. Também existem aplicativos e ferramentas para restringir acesso e monitorar o uso da internet.

Navegadores
– Extensões como o ProCon Latte, para o Mozilla, e o Website Blocker, para o Chrome, permitem que o usuário bloqueie acesso aos sites que escolher.

– No caso do Internet Explorer, é possível restringir conteúdos nas configurações do próprio navegador. Basta clicar em “Ferramentas”, “Opções da Internet” e selecionar a aba “Conteúdo”. Na aba, clique no botão “Habilitar…”. A janela “Supervisor de Conteúdo” deve abrir, ali é possível bloquear os sites desejados.

Busca do Google
– O Google possui a ferramenta SafeSearch para impedir que sites com conteúdo adulto apareçam nos resultados de pesquisa. Para ativar, é necessário acessar as“Configurações de pesquisa” do Google, marcar a opção “Filtrar resultados explícitos” e clicar em “Salvar” na parte inferior da página. Também é possível bloquear a ferramenta para que apenas quem tiver a senha possa alterar as configurações.

YouTube
O YouTube também possui ferramenta para restringir conteúdo adulto. Para ativar, o usuário deve ir até a parte inferior do site e clicar em “Segurança”, então aparecerá a opção para ativar o Modo de Segurança.


Facebook

O Facebook não possui modo de segurança nativo, mas há aplicativos que permitem o controle das atividades do perfil. O Piggyback permite que os pais saibam quais jogos os seus filhos estão jogando na rede social e quanto tempo passam em cada um deles.

Smartphones e tablets
Os três principais sistemas operacionais móveis, Android, IOS e Windows Phone possuem ferramentas para controlar o acesso à aplicativos.

No Android, é possível configurar o acesso no Google Play. No menu, selecione “Configurações”, clique em “Filtragem de Conteúdo” e escolha os aplicativos que deseja liberar o acesso.

Nos tablets e smartphones da Apple, basta ir até “Ajustes”, clicar em “Geral”, “Restrições” e selecionar “Ativar Restrições”. Nesta mesma tela, é possível selecionar aplicativos e tipos de conteúdos que deseja restringir acesso.

No Windows Phone 8, é possível impedir que as crianças façam downloads de aplicativos gratuitos, pagos e com classificação etária. Para configurar, acesse o site windowsphone.com, clique em “Explorar” no menu e selecione Família. Depois de fazer login, clique em “Alterar configurações” ao lado do nome da criança e configure as permissões.

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Diego Bencke

Diego Bencke

CEO DigooWeb - Graduado em Marketing
Especialista em Internet Marketing.
No Instagram: @diegobencke

Conheça a DigooWeb

Quem Somos

A DigooWeb é uma agência de internet Marketing da cidade gaúcha de Gramado.
Começamos há mais de 10 anos desenvolvendo sites em wordpress e hoje ajudamos empreendedores de todo o Brasil a melhorar seus resultados nas buscas da internet fazendo um trabalho de assessoria em SEO tanto no sites como no Google Meu Negócio. Também utilizamos tecnologia de inteligência artificial para administrar as redes sociais de nossos clientes e disponibilizar chatbots para agilizar o atendimento de nossos parceiros.

Venha se destacar na internet com a DigooWeb

Últimos Posts

Siga a gente

×
Woooow!