Orkut ganha recurso de grupos aperfeiçoando privacidade dos usuários

As páginas de usuários no Orkut vão mudar (e ficar com a cara da imagem abaixo). O Googleapresentou nesta terça-feira novos recursos do site de relacionamentos. Para a empresa, as alterações simplificam os controles de privacidade tornando mais fácil definir quem receberá fotos, scraps (recados) e outros conteúdos no site.

Desde o meio-dia desta terça as novidades começaram a ser implementadas e, conforme o Google, serão ativadas gradualmente para todos os usuários que aderiram às mudanças feitas no ano passado, quando surgiu o “novo Orkut“.
Para o Diretor de Produtos do Google da América Latina, as mudanças devem incentivar os usuários a compartilhar cada vez mais conteúdo pela ferramenta, uma vez que se saberá exatamente quem está recebendo as atualizações. Abaixo, confira o vídeo sobre o novo conceito da ferramenta e, na sequência, as novidades.
Confira as principais novidades:


Os grupos estarão sempre listados no topo da página, numa interface de abas (imagem acima)
> Em cada scrap (recado) enviado será possível adicionar ou remover qualquer usuário, presente ou não no grupo
> Sempre que uma mensagem for enviada, as pessoas vão saber quem mais pode vê-la, mas não saberão o nome dado ao grupo
> O Orkut vai sugerir automaticamente alguns grupos, já prontos para uso. Estes grupos poderão ser alterados
> Scraps (recados) poderão ser enviados diretamente da página inicial do usuário
Sempre que vejo essas mudanças no Orkut me pergunto: é para fazer frente ao Facebook? Como relembrou o coordenador do curso de Comunicação Digital da Unisinos, Daniel Bittencourt, num bate-papo sobre o tema com o blog, o Orkut é um site extremamente regionalizado, diante da imensidão do Facebook:
– O Orkut é um produto do Google Brasil. Ele deixou de ser um produto global para ser mais local. O Google tenta mais uma vez aproveitar a aproximação de pessoas com interesses comuns.
Para Bittencourt, ainda é cedo para afirmar que um novo recurso na rede social seja uma investida contra o Facebook, dadas as dimensões de cada um em nível mundial. Talvez, sugere o professor, a Google use o Orkut testando embriões de produtos voltados para redes sociais.
– O brasileiro não tem pudores de testar redes sociais – completa Bittencourt.
Presente no Brasil há seis anos, o Orkut registrou, em julho, 28 milhões usuários únicos(pessoas que acessaram ao menos uma vez o site no mês), atraindo 72% dos internautas do país, segundo o Ibope. No Facebook, principal concorrente do site do Google, com 500 milhões de usuários no mundo, o percentual foi de 30%.
Fonte: infosfera

COMPARTILHE:

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Diego Bencke

Diego Bencke

CEO DigooWeb - Graduado em Marketing
Especialista em Internet Marketing.
No Instagram: @diegobencke

Conheça a DigooWeb

Quem Somos

Criamos sites e portais de notícia por assinatura de alto impacto que aproximam pessoas e geram negócios.

Iremos criar e cuidar do teu site e de tua conta no google, enquanto você foca só no seu negócio.

Últimos Posts

Siga a gente

×
Woooow!